Brincadeiras para crianças, um universo de possibilidades

criança pulando corda

As brincadeiras para as crianças vão muito além de serem somente momentos de diversão. Constituem-se como situações que proporcionam à criança a possibilidade de se descobrir, desvendando o mundo à sua volta, socializando-se e expressando seus pensamentos e sentimentos.

Podemos organizar as brincadeiras em três categorias. Conheça um pouco mais sobre cada uma delas.

BRINCADEIRAS TRADICIONAIS

Fazem parte da cultura popular e por serem de tradição oral é comum irem se transformando.
– Brincadeiras de roda;
– Amarelinha;
– Pular corda;
– Elástico.

BRINCADEIRAS DE FAZ-DE-CONTA

Surgem com a capacidade de representação e com a linguagem. Nelas é colocado em jogo o imaginário da criança. Para promovê-las podem ser oferecidos.
– Contextos estruturados tais como, casinha, feira, escritório;
– Contextos desestruturados, nos quais são oferecidos materiais de categorias diversificadas.

BRINCADEIRAS DE CONSTRUÇÃO

A partir delas estimula-se a criatividade e desenvolvem-se habilidades. Podem estar relacionadas intimamente a situações de faz-de-conta.
Construir objetos;
– Construir cenários.

E então, vamos brincar de quê?

 

Autora: Fernanda Hungerbuhler Barroso – Professora na Ed. Infantil, Pós-graduanda em Psicopedadgogia pela Puc/ SP e Pedagoga pelo Instituto Vera Cruz

Fernanda Hungerbuhler Blog Infantil

0 respostas

Deixe uma resposta

Quer entrar na discussão?
Sinta-se livre para contribuir!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *